Como é Trabalhar no Mercado Financeiro?

Quem não gostaria de se formar na faculdade e de cara já estar empregado e ganhado mais de R$ 10.000 por mês?

Após explicar como os bancos ganham tanto dinheiro, vou ensinar um pouco mais sobre como é trabalhar no mercado financeiro e compartilhar um pouco da minha própria experiência.

Por que trabalhar no mercado financeiro?

trabalhar mercado financeiro

Apesar de parecer um sonho, esta é a realidade dos estudantes que conquistam as mais disputadas vagas no mercado financeiro, como analistas nos principais bancos de investimento presentes no Brasil. Enquanto que em muitas outras carreiras, um profissional demoraria anos para atingir este nível salarial, no mercado financeiro este é só o começo da carreira de muita gente.

E para os que são bem sucedidos nesta empreitada, e tornam-se diretores (Managing Directors), o salário chega no patamar superior aos R$ 1,5 milhões de reais por ano. Isso mesmo, o dinheiro que muita gente nem sequer chega perto de conquistar durante toda uma vida, estes profissionais ganham em um único ano. Veja o estudo completo de salários feito pela consultoria Robert Half aqui.

trabalhar no mercado financeiro

fonte: Robert Half, 2014 (um ano de “crise”..)

Está convencido de que é o mercado financeiro que você quer?

Então vamos ver o que você precisa dar em troca.

O que você precisa oferecer em troca

Como qualquer outra coisa, e ainda mais no mercado financeiro, nada é dado de graça. Se você quer ganhar essa grana, se prepare.

vagas mercado financeiro

1. Esqueça as horário de entrada e saída do trabalho

Não pense que você vai entrar as 8h, sair para uma horinha de almoço, voltar e trabalhar até as 18h. Não no mercado financeiro amigo..

Para começar não existe hora de entrar e hora de sair, porque toda hora é hora de trabalhar. Quando precisar (o que acontece quase todo dia), vão esperar que você fique noite a dentro trabalhando e sair do escritório de madrugada em uma segunda feira é rotina.

Esqueça aquele passeio com a namorada, jantar com a família, e muitas vezes até a viagem para a praia no final de semana. Muitos sábados e domingos serão dias úteis para v0cê.

2. Saiba lidar bem com pressão

“Errou, ah tudo bem!” Isso você nunca vai ouvir…

O ambiente de mercado financeiro é extremamente competitivo e praticamente dominado por homens. Então o vocabulário usado no dia a dia está longe de ser algo perto de “refinado”.

3. Trabalhe pelo “bônus”

Ninguém que está lá trabalha pelo salário mensal. Apesar de já ser um valor alto, o que realmente conta no mercado financeiro são os bônus pagos no início de cada ano, com base na sua performance no ano anterior.

Dependendo do seu desempenho, seu bônus pode dobrar tudo o que você já ganhou no ano anterior, ou pode até ser zero. Só depende de como vão avaliar você e compara-lo com outros colegas de trabalho.

4. O café é seu melhor amigo

Hábitos não muito legais como tomar uns 3 cafés expressos todo dia, fumar, deixar de fazer esportes vão acabar fazendo parte da sua rotina. Mesmo sendo muito disciplinado em alguns pontos, é impossível conciliar noites bem dormidas e um estilo de vida saudável com o mercado financeiro.

 

Ok, acho que já deu para entender que a coisa não é como no programa do Sílvio Santos.

trabalhar no mercado

Como trabalhar no mercado financeiro?

Ok, vamos aos pré-requisitos:

Faculdade / MBA

Para conquistar um cargo desses, você precisa ter acabado de investir 4 anos e um bom dinheiro em se formar em uma faculdade de administração, economia, engenharia ou cursos relacionados.

E claro, não é qualquer faculdade, de preferência alguma famosa que quando você fale que estudo lá as pessoas achem que você é inteligente por isso (FGV, USP, PUC, Ibmec, etc).

Se você não se formou em nada disso, ainda pode fazer um bom MBA (e caro – f0ra do Brasil, de preferência) e fazer essa mudança na carreira.

(no mínimo) Inglês fluente

É esperado que você fale inglês no ponto de conseguir conversar normalmente com um americano, e ler uma análise de mercado em inglês, já que muitas vezes isso vai fazer parte do seu trabalho.

Excel

É com quem você vai passar a maior parte dos seus dias. É fundamental saber usar no mínimo fórmulas, gráficos, tabelas dinâmicas, etc. O Power Point também está no coração do mercado financeiro, mas pode ficar tranquilo, esse você vai aprender na prática, querendo ou não.

Certificados

Ter um certificado que comprova que você passou em algum teste de mercado é um bom diferencial, mas desde de que seja algum desses:

CPA-20 (ANBIMA): pré requisito para quem vai trabalhar na área comercial e um diferencial para os demais, vendendo produtos financeiros. Se você estudo finanças na faculdade, algumas semanas de estudo são suficiente para passar na prova. Reconhecido somente no Brasil.

CFA (CFA Institute): A abreviação de Chartered Financial Analyst® (CFA), é um certificado bem mais difícil de conseguir e um bom diferencial no mercado, ja que também é reconhecido internacionalmente. Para consegui-lo você precisa passar por 3 provas diferentes, e aproximadamente 3 anos de estudo. Tudo é em inglês e você compete com profissionais do mundo inteiro, porém o conteúdo é excelente e muito mais completo que praticamente qualquer MBA em finanças no brasil.

Quem tem este certificado pode usar no cartão de visitas: Nome Sobrenome, CFA

CFP (CFP Board): A abreviação de Certified Financial Planner, é uma certificação com foco no planejamento financeiro de pessoas físicas, então se você pretende trabalhar com investidores pessoa física, seja em fundos de investimento, ou áreas de grandes fortunas de bancos de investimento, o CFP é um bom diferencial.

Quem tem este certificado pode usar no cartão de visitas: Nome Sobrenome, CFP

Onde encontro vagas mercado financeiro?

Nos sites de emprego é que não amigo..

vagas mercado financeiro

Para se candidatar a uma boa vaga no mercado financeiro a melhor estratégia é entrar no site dos bancos de investimento e procurar a área para inscrever-se no processo seletivo.

Claro, que isso se você tiver um contato para encaminhar seu currículo para a pessoa certa, essa é com certeza a melhor opção.

Outra estratégia é descobrir que são os responsáveis pela área que você deseja trabalhar e tentar convidar para um almoço e iniciar um relacionamento, até para entender melhor se é lá mesmo que você quer trabalhar.

E você:

Trabalha no mercado financeiro? Diga o que achou desse texto nos comentários abaixo.

Tem alguma dúvida? Escreva abaixo que vou tentar responde-la.

Diego Wawrzeniak (@diegowrz) é autor do Guia do Imposto de Renda na Bolsa. Trabalhou no mercado financeiro e é economista pela FGV. Além de finanças, também é apaixonado por empreendedorismo, inovação e conversar com outros investidores.

  • Natália Carpio

    Olá! Estou com uma dúvida cruel, queria que alguém com mais experiência me respondesse.Você poderia me ajudar? Prestei Enem ano passado e este ano estarei participando do Sisu e Prouni. Gostaria de saber qual das seguintes universidades é mais bem vista no mercado de trabalho: UNIFESP ou PUC SP ambas para o curso de Economia. Agradeço desde já pela atenção.

  • Luiz Miguel

    Desperdicei muito tempo na minha vida, e nos últimos dois anos, aos poucos, comecei a me apaixonar pelo mercado financeiro. Literalmente destruí a melhor oportunidade e o melhor momento da minha vida e estou me reconstruindo. Tenho 27 anos e há um mês comecei o meu planejamento para uma nova vida. muito obrigado pelo seu texto, esclareceu em muito minha jornada e eu sei que ela não será fácil. Começo no ano que vem minha faculdade de economia e não tenho duvidas sobre onde quero estar daqui a dez anos. Após muitos anos de turbulência você me ajudou a encontrar um norte. Obrigado.

  • Rodrigo

    Boa tarde Diego,

    Estou nessa luta. Faço a prova para o nível II do CFA agora em junho e não consegui ainda nenhuma vaga, no máximo entrevistas (obs: moro em Porto Alegre). Tenho algumas dúvidas:
    1) Fora do eixo rio/são paulo é mais difícil conseguir uma vaga? a remuneração é menor?
    2) É muito importante saber programação para se tornar um analista buy/sell-side? VBA é a principal? Qual a melhor forma de aprender?

    Muito obrigado!

  • Eduardo

    Diego, muito obrigado por esse post! Estou há um bom tempo pensando em migrar de área. Hj trabalho com engenharia, no entanto descobri que não gosto tanto assim deste ramo por diversos fatores, mas isso é conversa para um bar… Vc conseguiu compilar bastante as informações, deixando só o que realmente interessa. Obrigado mais uma vez.
    Se possível, gostaria de tiarar mais algumas dúvidas por email com vc.

  • Higor Diniz

    Valeu pelas dicas Diego!
    Tenho uma dúvida. Quais as possibilidades de uma pessoa formada por uma faculdade “comum”, com certificação AAI, mas sem experiência ingressar no mercado financeiro?
    Abraço.

  • Ivan

    Muito bem pontuado o artigo, acredito que esse perfil de vida e trabalho seja válido para outras tantas carreiras de alto nível administrativo e afins, como CIO, CEO, CFO entre outros.

  • Rafael F. Pires

    Olá Diego bom dia, excelente artigo sempre acompanho seus trabalhos.
    Diego estou estudando para começar minha faculdade na área de Economia e gostaria de saber quais passos para me tornar um trader de mercado de ações. Não disponho do valor financeiro para fazer aqueles cursos caríssimos e não teria esse tempo também ja que tenho que trabalhar (metalurgico) e vou começar a faculdade tão sonhada, mais ja gostaria de consiliar o aprendizado nesta area.
    Você saberia me indicar livros e materiais de estudos para que eu pudesse iniciar nesta jornada?
    Muito Obrigado Diego, Sucesso Sempre
    Abraçow,
    Att Rafael F. Pires