Aplicativo de Imposto de Renda

Você já conhece o aplicativo de Imposto de Renda desenvolvido pela Receita Federal? 

Ele permite a declaração de IR pelo celular ou tablet. O que pode ser uma grande praticidade para você.

O download gratuito pode ser feito aqui.

O aplicativo “Meu Imposto de Renda” é compatível com os sistemas iOS e Android. Abaixo te explicamos melhor como realizar seu Imposto de Renda através dele.

Serviços disponíveis no Aplicativo de Imposto de Renda

Através do aplicativo “Meu Imposto de Renda” você pode:

  • Preencher e entregar a declaração IRPF original dos exercícios (2014 em diante)
  • Preparar o rascunho da declaração do ano atual
  • Acompanhar sua declaração
  • Consultar o Perguntão IRPF (guia do governo com diversas questões respondidas)
  • Avaliar o aplicativo

Ao abrir o seu aplicativo, você vai se ver de cara com um menu simples e intuitivo. Detalhamos ele abaixo para você entender a função de cada serviço.

Acompanhar declaração

É aqui onde você pode verificar pendências da sua declaração.

Você também pode verificar a situação de débitos relacionados ao IRPF e gerar o DARF para pagamento; e marcar interesse caso queira ser avisado sobre o processamento daq declaração.

Lembrando que o primeiro acesso no celular precisa ser autorizado por você mesmo no computador.

Você consegue fazer isso através do atendimento virtual da Receita Federal, o Portal e-CAC, através dos seguintes passos:

  1. Acesse o Portal e-CAC usando seu Certificado Digital ou seu Código de Acesso;
  2. Vá ao serviço “Declarações e Demonstrativos” e acesse DIRPF (Declaração do Imposto sobre a Renda da Pessoa Física) — “CADASTRO DE DISPOSITIVOS MÓVEIS”;
  3. Informe um nome para o seu aparelho, uma palavra-chave, data de vigência (por quanto tempo esse dispositivo vai poder ser usado) e indique o serviço “Acompanhar Declaração”
  4. Volte ao celular, confirme os dados e conclua a ativação

Você consegue autorizar seu celular a acessar informações de mais de um CPF. Porém, em cada consulta você precisa informar a palavra-chave cadastrada com aquele CPF e para aquele dispositivo.

Lembre-se: sua palavra-chave está ligada ao seu CPF e você só consegue acessar com ela.

Perguntão

Aqui você encontra um resumo do Perguntão IRPF.

Esse Perguntão é a junção de perguntas relacionadas à apresentação da declaração IRPF. O download do documento completo ou acesso integral ao conteúdo é apenas pelo site da Receita Federal.

Mas pelo aplicativo você já consegue sanar diversas dúvidas, como você na imagem abaixo.

Orientações

É aqui que você encontra as orientações de como usar o Meu Imposto de Renda, e também os termos e condições do aplicativo.

Em ambos os casos, você será redirecionado ao site da Receita Federal.

Avaliação

Quer ajudar a Receita Federal a manter o aplicativo cada vez mais atualizado e eficiente? É por aqui.

Você consegue avaliar cada um dos serviços oferecidos separadamente. São dois parâmetros de avaliação: usabilidade e conteúdo. Você pode fazer comentários e também informar seu email.

Depois, basta enviar a avaliação pelo próprio aplicativo. É permitida apenas uma por versão do aplicativo.

Meu Imposto de Renda

Chegamos à parte mais importante: a declaração do IRPF. É na seção “Meu Imposto de Renda” que você consegue, de fato, preencher seu Imposto de Renda.

Depois que a tela carregar, você vai precisar digitar o seu CPF e sua data de nascimento para continuar. Se você ainda não tiver criado uma palavra-chave atrelada ao seu CPF, você também vai precisar criar uma antes de prosseguir.

Vai aparecer um menu com com todas as suas declarações a partir de 2014. Ao selecionar a declaração do ano atual, você consegue inicia-la do zero e também importar a declaração do ano anterior.

Para isso, basta seguir as instruções da seção “Declaração IRPF em dispositivos móveis” (Orientações). Você encontra elas em “Importando informações do ano anterior”.

Ao iniciar o processo de declaração, você vai se deparar com um novo menu com seis opções. São elas:

  • Identificação, onde você pode preencher dados pessoais e informações de contato;
  • Terceiros, onde você pode adicionar dependente, alimentando, cônjuge e inventariante;
  • Rendimentos, onde você consegue declarar rendimentos tributáveis, isentos, sujeitos a carnê-leão, retidos na fonte, com exigibilidade suspensa e aqueles sujeitos à tributação exclusiva;
  • Pagamentos, onde você consegue declarar pagamentos efetuados, doações (eleitorais e ao ECA também) e imposto pago;
  • Bens e dívidas, onde você declara seus bens e direitos, assim como suas dívidas e ônus.

O próprio aplicativo salva automaticamente a medida que você preenche sua declaração.

Você também consegue ver um resumo da sua declaração quando ela estiver preenchida, e entregá-la através de um menu lateral.

Limitações do Aplicativo de Imposto de Renda

O aplicativo ainda possui limitações. Ele não permite o preenchimento de declarações de saída definitiva do país, apenas declarações de ajuste anual.

Além disso, ele ainda não pode ser utilizado por todos os contribuintes. Como, por exemplo:

  • Contribuintes possuem rendimentos tributáveis ou pagamentos acima de R$ 10 milhões;
  • Contribuintes com imposto pago no exterior;
  • Contribuintes com rendimentos recebidos acumuladamente (RRA);
  • Contribuintes que preenchem demonstrativos de atividade rural, ganho de capital ou renda variável.

Ou seja, o Meu Imposto de Renda ainda não é para os investidores. Mas a ideia é que futuramente o aplicativo fique cada vez mais completo.

Conclusão

Ainda que tenha suas limitações, o aplicativo de Imposto de Renda oferece uma alternativa prática e rápida para a grande maioria dos brasileiros.

A esperança é que alterações e melhorias sejam feitas todos os anos, e logo ele possa ser usado por todos os contribuintes.

Nós aqui do Bússola do Investidor vamos ficar de olho e manter você informado!

Diego Wawrzeniak (@diegowrz) é autor do Guia do Imposto de Renda na Bolsa. Trabalhou no mercado financeiro e é economista pela FGV. Além de finanças, também é apaixonado por empreendedorismo, inovação e conversar com outros investidores.