5 Mitos das Operações Day Trade

Operações Day Trade são todas as operações na Bolsa de Valores que foram iniciadas e encerradas no mesmo dia no mercado de ações, opções ou contratos; compra e venda ou venda e compra.

O objetivo desta estratégia é aproveitar os movimentos diários do mercado de ações e demais ativos para obter lucros no curtíssimo prazo. Mas por que existem tantos mitos que as fazem parecer algo apenas para investidores corajosos?

Apesar dos riscos, estas operações possuem vantagens em relação às chamadas operações normais (compra e venda em dias diferentes), principalmente para quem busca retorno no curto prazo. No entanto, muitos investidores começam a investir dessa forma sem a devida experiência e conhecimento, assim, cometem alguns erros e passam a acreditar em alguns mitos.

Quer entender as mentiras sobre as operações Day Trade e operar na Bolsa de forma inteligente, alcançando um bom lucro e sem receios? Confira a nossa lista de mitos e descubra porque eles não são verdadeiros:

operacoes day trade

#1. “Operações Day Trade são mais arriscadas”

Quando o objetivo é retorno de curto prazo, os riscos nas operações day trade são relativamente menores do que nas operações normais.

Isso ocorre pois não há a existência dos chamados gaps de abertura — um espaço que pode representar uma grande diferença de preços entre 2 períodos. E nem do stop loss — mecanismo de controle de risco que pode ser definido em um ponto próximo ao preço da entrada na posição.

Isso significa que é o trader quem determina o nível de risco nas operações que realiza.

Caso ele ajuste bem os critérios de entrada e de saída; ajuste os stops para evitar grandes perdas; e determine um alvo em vez de buscar sempre ganhar o máximo possível; assim o investidor estará se precavendo e lidando com o risco que pode tolerar.

Vale lembrar que todos os investimentos têm riscos. Mesmo que não sejam operações day trade. Cabe ao investidor conhecê-los para lidar com eles.

#2. “Só são vantajosas para a corretora de valores”

A grande maioria dos investidores executa operações sem o conhecimento necessário para balizar suas decisões.

Quando o trader conhece todos os custos do day trade, ele sabe quanto precisará pagar o imposto de renda; sabe quais os demais custos envolvidos. Assim ele consegue escolher pacotes de corretagem mais atrativos e definir ganhos melhores para não perder tanto com a corretagem.

Confira o post completo Custos do Day Trade: Conheça Todas as Taxas para Operar.

As operações day trade são vantajosas para a corretora de valores sempre que há excesso de compras e vendas do investidor somadas à falta de pesquisa por melhores taxas de corretagem. Mas quando o ganho é planejado e sabe-se quanto terá de custos, o lucro continua existindo para o trader.

Para a operação ser vantajosa para o investidor, é importante ter uma estratégia sólida. Assim você evita se guiar por achismos e sentimentos. Sua estratégia pode ser por gráficos de Análise Técnica ou com base em informações financeiras das empresas. E claro, lembre-se de planejar um ganho possível de ser alcançado.

O segredo é conhecer os custos e determinar alvos para aproveitar os benefícios das operações day trade!

#3. “Preciso ficar o dia todo na frente do computador”

O que muitos profissionais afirmam é que o melhor jeito de operar no day trade é utilizar uma boa metodologia; operar uma única vez conseguindo acompanhar a volatilidade ocorrida durante o pregão. Realmente, é importante ficar atento ao mercado.

Mas ficar o dia inteiro na frente do computador não irá garantir bons resultados. Além disso, muitos investidores não têm tempo disponível para isso.

Para resolver esse problema, você pode guiar as operações day trade por sistemas que acompanham o pregão por meio da Análise Técnica. Assim é possível programar para receber sinais que indicam boas oportunidades de compra e venda.

Estas indicações, no entanto, são possibilidades de acerto. Afinal, o mercado pode mudar a qualquer momento.

Já para traders que querem maior precisão e segurança; traders acostumados com o uso de indicadores técnicos para sinalizar momentos de compra e venda; traders que querem deixar uma estratégia em modo automático, a solução são os robôs investidores.

Eles são softwares que retiram o fator emocional na hora de operar; são rápidos e precisos. E ainda permitem simulações e testes com outras parametrizações para encontrar as melhores estratégias.

Antes de utilizar robôs investidores para realizar operações day trade, é essencial conhecer bem as regras da Bolsa de Valores, tipos de operações e Análise Técnica. Somente assim, o trader poderá criar sua estratégia, simular robôs e operar em modo real de forma segura; operar sem sustos, com inteligência e com discernimento para saber os melhores momentos de colocar stops, parar ou otimizar um robô.

Para aprender sobre a Análise Técnica recomendamos nosso material completo sobre o assunto: Guia de Análise Técnica. Nele abordamos tudo sobre candles, indicadores, figuras gráficas, stops e também trazemos indicações de leitura.

#4. “A bolsa precisa estar em alta”

Tudo varia de acordo com a estratégia de investimento!

Muitos investidores não sabem, mas quando a operação é caracterizada como day trade é permitido também iniciar uma operação vendido. Ou seja, com uma venda em vez de uma compra — onde se pretende ganhar com a queda. Isso sem custos adicionais, taxa de aluguel e, em alguns casos, com corretagem diferenciada.

Mas como acontece o ganho com os preços em queda?

A operação vendida permite que o investidor venda ações para depois recomprá-las por um preço menor, embolsando lucro. Você consegue lucrar independentemente da direção que o mercado seguir; basta que você esteja na ponta correta.

5# “Preciso saber tudo o que está acontecendo no mercado de renda variável”

É necessário estudar e acompanhar informações relacionadas à forma que você está investindo.

Caso seu foco seja fazer um investimento com um prazo maior, com uma estratégia buy and hold, por exemplo, é pertinente acompanhar os dados financeiros da empresa a partir da Análise Fundamentalista.

Se você pretende realizar operações day trade, o que interessa é como está a especulação do mercado. Portanto, o ideal é acompanhar os gráficos de Análise Técnica.

Informação é sem dúvida importante no mercado financeiro. Porém, muitos investidores tentam utilizar certos recursos na tentativa de obter sucesso. São eles: livro de ofertas, dicas de conhecidos, “achômetro”, “caiu muito, vou comprar” e fóruns.

Nesse sentido, um lembrete para acompanhar o pregão é tomar cuidado com as recomendações; de empresas ou analistas. Você pode se distanciar do computador durante o pregão, sim! Mas faça isso sabendo sob quais critérios está observando o mercado.

Evite esses “atalhos”, pois no longo prazo estas estratégias podem te levar à falência. Use seu tempo para estudar e aperfeiçoar seus conhecimentos.

Quais são as vantagens das operações Day Trade?

Muitos investidores se dedicam ao estudo da Bolsa, da Análise Técnica e de boas práticas para investir em renda variável porque as operações day trade apresentam muitas vantagens. São tantas as oportunidades, que não é raro ver pessoas que abandonam o emprego para “viver de Bolsa“. Confira quais são:

  • Aproveitar a grande volatilidade do mercado de ações e a oportunidade proporcionada pelas corretoras de operar alavancado: uma variação de 1% em uma operação day trade pode significar 4% de lucro. Mas, cuidado! O inverso é verdade para o prejuízo também.
  • Independência quanto à tendência do mercado é outra característica dessa modalidade, visto que há a opção de operar vendido.
  • Operação também considerada menos arriscada, pois nas variações diárias há o risco de fortes gaps.
  • O stop no day trade é consideravelmente mais curto e o lucro pode ser apurado diariamente. Com isso, o investidor especializado em Day Trade tem a vantagem de dormir mais tranqüilo e nunca ser pego de surpresa como em fortes realizações ou crises. Isso sem afetar sua rentabilidade e com a possibilidade de aumentá-la de acordo com a quantidade de operações efetuadas em cada pregão.
Érica ficou famosa por deixar a medicina para acompanhar o pregão. Créditos: Fábio Teixeira/EXAME.com

Utilizando a Análise Técnica nas operações Day Trade

É muito comum que investidores pessoas física utilizem a Análise Técnica, ou gráfica, para determinar como investir. No entanto, o uso desta ferramenta para o day trade é totalmente diferente se comparada a seu uso nas operações normais.

É preciso ter um ótimo conhecimento do comportamento dos indicadores utilizados e de sua própria estratégia. Existem inúmeras técnicas utilizadas por investidores e não existe “certo e errado”. Afinal, o objetivo é um só: ganhar dinheiro.

Entre elas podemos citar:

Ao longo deste post, acrescentamos diversos links como estes acima com dicas de Análise Técnica.

Além disso, o Bússola do Investidor tem vários conteúdos completos com práticas e técnicas das operações do Day Trade. Você pode acessá-los pela categoria Análise técnica no blog ou procurar na busca a ajuda que precisa.

E a lição que fica, após todos esses mitos, é: o conhecimento é a melhor forma de lucro do investidor! O risco existe, mas as operações day trade trazem muitas ventagens para quem se dedica.

E você? Faz operações day trade? Quais são dificuldades? Comente!

Diego Wawrzeniak (@diegowrz) é autor do Guia do Imposto de Renda na Bolsa.
Trabalhou no mercado financeiro e é economista pela FGV. Além de finanças, também é apaixonado por empreendedorismo, inovação e conversar com outros investidores.

  • Mauricio Filho

    Quantos day trades posso fazer no dia?

  • Vinicius Garcia

    “uma variação de 1% em uma operação de Day Trade pode significar 4% de
    lucro (cuidado, o inverso é verdade para o prejuízo também).” não entendi…

  • Junior Monteiro

    Perfeito, mas não entendi muito bem sobre a porcentagem que a corretora leva em cima do trader. De quanto seria isso? É uma porcentagem fixa ou varia? E se sim de quanto a quanto?

    • Depende da coretora Junior.
      Cada uma tem sua maneira de cobrar e calcular as taxas devidas.
      É importante entender bem osso antes de começar a operar.

      Em ter, 6 de set de 2016 às 07:13, Disqus escreveu:

  • Junior Monteiro

    Perfeito, mas não entendi muito bem sobre a porcentagem que a corretora leva em cima do trader. De quanto seria isso? É uma porcentagem fixa ou varia? E se sim de quanto a quanto?

  • Nossa adorei seu artigo, esse blog foi exatamente o que eu estava buscando.

  • João Vitor

    Olá Diego,

    Me interesso em participar dessa área de finanças, quais materiais de estudo você me indica para que eu possa estar iniciando.

    Grato

  • Ednei Santos de Almeida

    Olá.

    Tenho uma dúvida sobre entrar vendido e permanecer na operação alugando a ação negociada.

    Minha dúvida é ex: vedi 500 ações da vale5 a R$ 18,70. Ela subirá mais e fechará a R$ 18,78. Quero permanecer vendido. Ligo para a corretora e com o valor que custa a operação em conta eu alugo a ação.

    Minha dúvida é: Eu posso fazer isso e vender a ação no dia seguinte ou quando eu quiser? E os valores que terei que pagar pelo aluguel?

    Obrigado e ótima máteria.

  • lui

    Olá Diego,
    gostei mto das explicações do seu artigo, porém, ainda restaram dúvidas. Abaixo um exemplo prático:

    supondo que eu invista R$150.000,00 numa operação Day trade por Home Broker

    1-ao comprar a ação pago uma taxa de corretagem de R$20,00(compra ou venda);
    2-pago R$13,00 na ação no inicio do dia;
    3-vendo a ação e pago + R$20,00 de corretagem;
    4-na venda obtenho R$13,90 ao final do dia (adquiro um lucro de R$10.384,6152);
    5-pago R$52,5 dos emoluentes(sobre o valor total investido);
    6-pago R$2.076,92 de IR(1% a fonte e 19% por DARF no final do mês sobre o lucro);
    7-me enquadro como isenta da taxa de custódia(cobrança somente para valores acima de R$300.000,00 de minha corretora)
    8- e finalmente obtenho um lucro de R$8.215,1952.

    Seria isso um em exemplo verdadeiro de operação day trade?
    Sou obrigada a vender a ação no mesmo dia numa operação day trade?

    Obrigada

    • Olá Lui,

      O exemplo citado configura um day-trade, por ser uma compra e uma venda no mesmo dia. Negociações em dias diferentes não configuram day-trade.

      Uma forma simples de separar suas operações entre normais e day-trade é começar verificando a variação da custódia no dia. Vejamos exemplos para um código específico:

      (A) começa o dia com 200 e termina com 500
      (B) começa o dia com 1.000 e termina com 0

      Nos dois exemplos acima, a priori NÃO existe day-trade, porém vamos complementar eles agora com as seguintes informações, sobre o mesmo dia ainda:

      (A) durante o dia comprou 2.000 ações e vendeu 1.700
      (B) no dia só vendeu 1.000 ações

      Com esta nova informação podemos separar as operações em:

      (A) movimento 1.700 ações em day-trade e aumentou a posição comprada em 300 ações
      (B) eliminou uma posição vendida de 1.000 ações, não fez day-trade

      Atenciosamente

      • Marcio

        A) Comprei uma determinada ação em 01/05 por R$ 0,18 (operação normal)
        B) Vendi esta mesma ação em 20/05 R$ 0,40
        C) Comprei a mesma ação no mesmo dia 20/05 por R$ 0,35
        D) Vendi a ação em 28/05 por R$ 0,30

        As operações A e B são consideradas day trade (venda e compra)?

        Obrigado!

        • Paulo

          Marcio.
          Se bem entendi, as operações B) e C) são consideradas Day-trade pois foram feitas no mesmo dia.
          Apesar da venda ser feita antes da compra, você teoricamente recomprou seus papéis no mesmo dia.
          Imagino que respeitando a quantidade de ações. Comprar a mesma quantidade que vendeu ou parcialmente.

  • Verdade, eu curto e acompanho Day Trade, tem esse cara que faz uns Day Trades e ele diz parecido com voce.

    Ele mostra gráficos etc traderpensador.blogspot.com

    sorte

  • Gustavo Rauter Willmersdorf

    Bom dia Diego.
    Tenho 40 mil e vou investir em day e swing trade. Estou visando um lucro de 50% em até 4 meses. Você acha que consigo?
    Estou operando em simuladores e nos simuladores consegui.
    Parabéns pelo seu trabalho no blog

    • Oi Gustavo,

      Quanto mais alto seu objetivo de retorno, maior é o risco que terá que correr. Não existe retorno sem risco.
      E quanto maior o risco, maior a possível perda.
      Abraços

      • Ednei Santos de Almeida

        Olá Diego,

        Poderia ver e se der, responder a minha Dúvida. Publicação 22 de junho 2015.

        Obrigado.

  • Leandro Ferreira

    Olá Diego tenho 15 mil e gostaria de operar day trader de ações com esse valor.
    E pretendo dobrá-lo em 1 mês.
    Será q vale a pena?

    • Oi Leandro,

      Não vale a pena.

      Abraços

      • Leandro Ferreira

        Boa tarde Diego.

        Poderia fazer uma demonstração para q eu pedesse perceber q não vale a pena.
        Até então sei q há os custos de Corretagem, Taxa do IBOVESPA, e os 20% do IR.
        Existem outros custos?

        Obrigado.

        • Oi Leandro,

          Em nenhum momento afirmo que não vale a pena. Somente chamo a atenção para alguns pontos que muitos investidores ignoram.
          Abraços

          • Leandro Ferreira

            Boa tarde Diego.

            Poderia esclarecer esse pontos?

            Desde já obrigado.

  • Lúcifer A Luz

    Estou querendo entrar nisso.. Mas estou com dúvidas quanto as taxas, consultei sites de algumas corretoras, e além do IR, tem as taxas comuns do home broker, a taxa de compra e venda e tal.. Mas o que me está encucando são algumas informações sobre taxa da BMFBOVESPA, ou percentuais disso que pelo que li, chegam a 0,5%.. então somando o IR, taxas da corretora, e o 0,5% da bovespa, se a cada trade com estimativa de 1% de lucro, o mesmo será comido por tudo isso.. e ainda por cima, parece haver corretoras que também cobram percentuais sobre o valor investido. Existe algum artigo falando sobre os custos, simulando quando paga em média no total de um day trade?

    • Oi Lucifer,

      Os custos variam muito, então cada investidor deve calcular o seu.
      No entanto remos alguns artigos no blog que podem lhe ajudar sim. Fique a vontade para estuda-los. Abraços

  • guilherme

    Realmente o desconhecimento gera perdas.

    Day trade é excelente principalmente para pessoas mais impacientes para ver resultados, mas exige MUITA dedicação.

    http://www.thedaytradingacademy.com.br

  • Alexandre

    Olá estou começando a estudar para operar como day trade, entrar no mercado forex, alguém conhece as técnicas do Steve Nison, são boas? Gostaria de saber onde consigo material de estudo sobre o mercado e como operar na bolsa. Obrigado

  • Leandro Santos

    Excelente artigo: Outro fato é que muitas pessoas não entendem que para aprender é preciso operar de verdade… como eu faço… Segue uma vídeo aula para mostrar para o pessoal como funciona o day trade, gravada ao vivo, com as ordens de compra e venda comprovadas…:http://www.youtube.com/watch?v=cagJqPBm1Mw
    Lembrando que não é fácil lucrar na bolsa, é simples, mas não é fácil:
    Leandro Santos – http://www.traderprofissional.com.br

  • Pedro de Paula

    Olá Diego, seu artigo é show e bem explicativo. Iniciei no mercado a 2 meses e sempre digo que esta fase de lateralização está sendo o melhor momento para aprender quando entrar e sair de uma operação, usar sempre o stop e controlar nosso psicológico. Estou focado no aprendizado em day trade no mini índice, e é exatamente como você disse, “dormir tranquilo”, mesmo em dias de ganho ou perda, pois sei que não tem nada pendente. Notei com este artigo que você tem muito conteúdo interessante e sábio, passarei a lhe seguir e aprender mais com você. Parabéns amigo!!!

    • Olá Pedro,
      Obrigado por seu comentário. Fico feliz que este artigo tenha te ajudado!
      Grande abraço e seja sempre bem vindo.