Análise Técnica para vencer na Bolsa: 7 dicas para usá-la a seu favor

Análise Técnica é um recurso muito importante para quem investe na Bolsa e, por isso, ela é tão recorrente por aqui. Observar gráficos para prever a movimentação de preços é uma maneira do investidor entender o mercado e tomar decisões mais conscientes sobre no mercado.

Ao utilizar a Análise Técnica para operar é possível identificar tendências, consolidações, suportes, resistências e diversos tipos de sinais gráficos de maneira simples.  Quer saber como usar isso a seu favor?

Fique atento às dicas abaixo para encontrar boas oportunidades e melhorar a performance nos trades.

#Dica 1: Identifique regiões e pontos de Suporte e Resistência

Saber onde existe um suporte e uma resistência é algo fundamental para qualquer trader, seja ele iniciante ou profissional. Olhar as regiões de suporte e resistência é útil para você não levar stops que podem ser evitados ou efetuar realizações parciais e até mesmo comprar ou vender mais ativos após o rompimento daquela região.

Veja aqui um artigo completo sobre suporte e resistência.

image01

#Dica2: Olhe para grandes candles

Grandes candles podem significar importantes mudanças no mercado. Eles podem apontar uma reversão de tendência ou uma grande força no mercado. Veja um exemplo no gráfico abaixo:

image07

Podemos ver que o preço deixou uma figura conhecida como Martelo no gráfico, o que resultou em uma reversão de tendência, trazendo o preço para cima.

Veja aqui um artigo completo sobre o candle martelo.

#Dica3: Consolidações podem resultar em uma grande explosão

Os pequenos candles deixam claro que não há uma grande força no mercado. Mas, uma grande consolidação pode ter como resultado uma grande explosão de preços, sendo ela para cima ou para baixo.

image06

Podemos ver na imagem acima que os preços ficaram dentro de uma região de resistência e uma região de suporte, sem perder o suporte e tentando romper a resistência, até que então a força compradora foi maior que a força vendedora e os preços saíram dessa região, iniciando uma nova tendência.

#Dica4: Fique atento a grandes sombras

Assim como os grandes candles, é muito importante olhar para os candles que deixam uma grande sombra, essa sombra pode ser resultado de uma grande força, volume, reversão e até mesmo deixar um Candle de Martelo ou uma estrela cadente. Você poderá encontrar um candle Martelo em um fundo, logo após uma queda dos preços, o Martelo poderá ser um indicativo de uma reversão de tendência e iniciar uma tendência de alta após uma queda dos preços.  A estrela cadente é encontrada em topos, deixada no alto de uma tendência altista e indicando uma reversão na tendência, provocando a queda dos preços. 

Martelo de Alta:

image02

Estrela cadente:

estrelaCadente

 

 

#Dica5: A tendência é sua amiga

Operações contra a tendência podem ter bons resultados, mas se a tendência é de alta por que vender e se expor na direção contrária? É muito comum entre traders experientes operações contrárias em uma correção, mas é um risco alto que nem sempre vale a pena correr.

As tendências são fáceis de identificar. Uma tendência de alta pode ser vista com fundos ascendentes e topos descendentes, já uma tendência de baixa pode ser vista como topos descendentes e fundos ascendentes. Resumindo, uma tendência de alta tem sempre um fundo maior mais alto que outro, enquanto a tendência de baixa tem um topo mais baixo que o outro.
image05

#Dica6: Use as Linhas para identificar tendências e reversões

Assim como a identificação de uma tendência através dos fundos e topos, você poderá utilizar as linhas de tendência para encontrar as tendências e reversões. As linhas de tendência são traçadas a partir de fundos e topos ascendentes ou descendentes.

Se quiser se aprofundar, confira tudo sobre as linhas de tendência de alta e sobre as linhas de tendência de baixa.

image00

#Dica7: Fique atento aos triângulos

Assim como qualquer padrão da Análise Técnica, os triângulos são padrões que não podemos deixar de lado. Em alguns casos os triângulos podem resultar na saída de consolidações dos preços, trazendo assim novas tendências e movimentos. Os triângulos são formados a partir de linhas de suporte e resistência com linhas diagonais.

Leia mais sobre os triângulos ascendentes e os triângulos descendentes.

image04

 

Além destas, conhece alguma dica importante para usar bem a Análise Técnica? Deixe seu comentário e teste estes conhecimentos na prática acessando gratuitamente a plataforma gráfica Bússola do Investidor!

banner-guia-analise-tecnica-bdi

 

Alessandro Camelo

Alessandro Camelo é Consultor de Estratégias na SmarttBot e trader no mercado de ações e futuros. É especialista em Análise Gráfica e graduando em Administração de Empresas pelo Centro Universitário Newton Paiva.